Pode dormir com absorvente interno: dicas e cuidados necessários


O absorvente interno é muito útil para as mulheres, pois, oferece mais liberdade, praticidade, conforto e proteção durante o período menstrual. No entanto, muitas mulheres ainda têm dúvidas quanto ao seu uso correto. Por exemplo, muitas se perguntam se pode dormir com absorvente interno. Ou seja, o absorvente interno pode causar problemas de saúde ao usá-lo para dormir?

De acordo com ginecologistas, não há problema algum em usá-lo para dormir. Desde que você use um com o tempo de troca adequado e com a capacidade de absorção maior. Dessa forma, ele vai absorver o fluxo noturno, evitando vazamentos.

Caso contrário, pode aumentar a chances de desenvolver a síndrome do choque tóxico (SCT). Que apesar de ser uma doença rara é muito grave, podendo levar a morte. Além disso, para que não haja nenhum problema, os médicos recomendam que você troque o absorvente antes de ir dormir e novamente, assim que acordar.

Ademais, é importante que os absorventes internos sejam trocados em intervalos regulares para evitar odores e infecções. De 4 a 8 horas, dependendo do volume do fluxo menstrual. Pois, o sangue favorece o desenvolvimento de microrganismos que podem causar infecções.

Pode dormir com absorvente interno?

Pode dormir com absorvente interno: dicas e cuidados necessários
Saúde

Sim, pode dormir com absorvente interno sem problema. Desde que você respeite seu tempo de uso. Em suma, cada absorvente tem um tempo determinado para permanecer no interior da vagina. E esse tempo é indicado por ginecologistas após analisarem o produto.

Dessa forma, você encontra disponíveis no mercado absorventes internos de diversos tipos, com tempo de troca de 4 a 8 horas. Além disso, oferecem proteção, permanecendo no lugar durante todo o tempo. Mesmo que você seja daquelas pessoas que se mexem na cama a noite inteira.

No entanto, os médicos recomendam que você faça a troca do absorvente antes de ir dormir. E quando acordar troque novamente por um novo. Além disso, você ficar atenta quanto ao tamanho certo do absorvente. Pois, o tamanho deve ser de acordo com a intensidade do seu fluxo menstrual para evitar vazamentos.

Mas, se mesmo com o tamanho certo acontecer vazamento do fluxo menstrual, pode ser que você esteja colocando de forma incorreta ou passando do tempo de troca indicado. Além disso, é importante não exceder o tempo indicado para não aumentar o risco de desenvolver a Síndrome do Choque Tóxico (SCT).

 Síndrome do Choque Tóxico

Suprevida

Muitas mulheres têm dúvidas se pode dormir com absorvente interno. De acordo com especialistas, a síndrome do choque tóxico é uma infecção causada pela toxina de bactérias Gram-positivas. Em suma, a síndrome desencadeia diversos sintomas graves. Por exemplo, febre, garganta inflamada, descamação na pele, inchaço e dores musculares. No entanto, esses sintomas podem evoluir causando insuficiência renal aguda e em alguns casos pode provocar até a morte.

Normalmente, a síndrome é relacionada ao uso de absorventes internos, já que o sangue menstrual acumulado e a composição do absorvente favorecem a proliferação das bactérias Gram-positivas (parte microbiana natural da vagina). No entanto, os ginecologistas afirmam que outros fatores também podem desencadear a síndrome. Como o uso de diafragma, infecção uterina pós-parto ou alguma incisão cirúrgica infectada.

Por outro lado, esse fato não deve impedir você de usar absorventes internos. Pois, eles são totalmente seguros, desde que você os utilize corretamente. Enfim, basta trocá-los regularmente respeitando o tempo de troca, alterne seu uso com um absorvente externo e lembre-se de sempre lavar bem as mãos antes e depois da troca.

BBC

Ademais, se o seu fluxo menstrual for muito intenso, a troca deve ser mais frequente para evitar a proliferação de fungos e bactérias. Além de evitar vazamentos. Portanto, tomando todos esses cuidados você pode dormir com absorvente interno sem se preocupar.

Por fim, caso você apresente os sintomas da síndrome, procure orientação médica o mais rápido possível. Pois, o tratamento deve ser feito o quanto antes. Sendo que, geralmente é preciso que a paciente seja internada para que sejam administrados antibióticos diretamente na veia.

Pode dormir com absorvente interno: forma correta de colocar

Pode dormir com absorvente interno: dicas e cuidados necessários
BBC

Enfim, você pode dormir com absorvente interno, mas, para isso você precisa tomar cuidado com a higiene e saber colocá-lo de forma correta. Dessa forma, basta seguir o passo a passo a seguir:

  1. Primeiramente, lave bem as mãos. Em seguida, abra a embalagem do absorvente interno.
  2.  Agora, estique o cordão averiguando se está bem preso ao absorvente.
  3. Depois, gire o cordão fazendo movimentos circulares para abrir a base do absorvente.
  4. Com a base aberta, encaixe seu dedo indicador no meio da base.
  5. Por fim, escolha uma posição confortável e introduza lentamente o absorvente para dentro do canal da vagina. Nessa hora, é importante ficar relaxada para facilitar a introdução do absorvente.

Então, verifique se não está incomodando, se você não sente nenhum incômodo, significa que está bem colocado. Caso contrário, retire e tente novamente. Agora, é só lavar as mãos e fazer a troca no tempo certo.

Se você gostou dessa matéria, leia também: Tipos de absorventes, como usar? Formatos, diferenças e benefícios.

Artigos Recomendados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *