Karol Conká, quem é? Biografia, carreira e empoderamento feminino


Karol Conká é dona de um voz forte e de um discurso empoderado. Cantora, rapper, produtora, modelo, compositora, apresentadora brasileira, entre outras denominações fazem parte do currículo que esta artista carrega consigo.

Sua carreira começou em meados de 2011, quando lançou seu primeiro EP — tipo de formato de álbum mais curto —, intitulado “PROMO”, mas o sucesso veio mesmo em 2013, com vários hits envolventes. Suas músicas possuem batidas fortes e geralmente têm letras não apenas de empoderamento feminino, também luta pelas minorias.

A cantora curitibana já extrapolou todos os limites de um artista. Karol Conká, com seu estilo todo irreverente com looks inimagináveis, já escreveu, atuou, cantou, criou, produziu e modelou, se concretizando como uma artista completa que tem muito a oferecer. Mas afinal, quem é Karol Conká?

Karol Conká irreverente
Foto: Jornal Terceira Via

História da Karol Conká

Karoline dos Santos Oliveira, este é o nome do furacão chamado Karol Conká. Primeiramente, natural de Curitiba (Paraná), Karol tem 34 anos completos e possui uma origem humilde. No entanto, desde criança ela gostava de poemas, influenciada por sua mãe que também escrevia versos e de dançar. Por fim, aos 13 anos ela já participava de concursos de dança e sonhava em cantar.

Porém, foi apenas com 16 anos que ela participou de um concurso de rap e ganhou. Nesse meio tempo ela passou a investir em si mesma e começou a ganhar notoriedade na internet, onde exibia seus videoclipes.

Em suma, sua carreira iniciou realmente aos 17 anos, mas uma gravidez aos 19 quase colocou sua carreira em risco. Entretanto, ela decidiu continuar mesmo assim, dando à luz ao menino Jorge, que ganhou este nome em homenagem ao Jorge Ben Jor, ídolo da cantora.

cantora e rapper karol conka
Foto: Raphael Dias/Gshow

Durante sua carreira, Conká revelou ter sofrido muito preconceito por ser negra, mãe solteira e por cantar rap. Porém ela não se deixou abater por isso e permaneceu fazendo o que mais gostava: cantar!

Aos 21, Karol passou por uma forte depressão e ela deu uma leve afastada dos palcos. Quando ela completou 24 anos voltou com tudo e permanece até hoje, vira e mexe nas mais tocadas da rádio e nas plataformas de streaming.

O nome artístico Karol Conká veio desde criança, quando seu pai a alertava de sempre dizer que seu nome era “Karol com k”, assim então fez Karoline, transformando essa frase em seu nome de sucesso.

Carreira da Karon Conká

rapper brasileira
Foto: Curitiba Cult

O sucesso não demorou muito para Karol Conká após o lançamento do primeiro EP em 2011, “PROMO”. Depois de realizar algumas parcerias, dentre elas, com o rapper Projota a música “Não Falem”, o sucesso veio em 2013 com o álbum “Batuk Freak”, que contou com hits como “Gandaia”, “Olhe-se” e “Boa Noite”, este último presente no jogo de video-game “FIFA 14”).

Neste mesmo ano, 2013, Karol Conká recebeu o primeiro prêmio de sua carreira: Artista Revelação, no Prêmio Multishow de Música Brasileira.

Em seguida, no ano de 2015, Conká foi novamente consagrada no mundo da música com “Tombei”, parceria com o grupo TropKillaz, levando a estatueta Nova Canção, também do prêmio Multishow. Essa mesma música foi tema de abertura da série “Chapa quente”, onde participou também como atriz.

Além disso, o som de Conká é cheio de batidas pesadas, com influências do funk carioca, dubstep, reggae, R&B, soul, música eletrônica e até repente. Das 12 indicações a prêmios de música, Karol ganhou 7. Dentre os principais sucessos de carreira se encontram “Tombei”, “É o Poder”, “Gandaia” e “Bate a Poeira”, esta última não apenas fez sucesso, como foi tema da novela Malhação – Viva a Diferença.

Empoderamento feminino, diversidade e racismo nas músicas da rapper

As músicas de Karol Conká evidenciam empoderamento feminino, como forma de lutar contra o machismo e elevar a autoestima das mulheres, principalmente as negras. Em diversas entrevistas, a artista faz questão de transmitir alguma mensagem de reflexão a cerca dos temas sociais que ela defende, sempre sobre feminismo, diversidade e racismo. Dessa forma, Karol Conká se tornou um símbolo para esses movimentos, que utilizam a visibilidade da cantora para atingir mais pessoas.

Como prova disso, as letras das músicas “Tombei” e “É o Poder” exemplificam muito a mensagem de empoderamento que ela passa, assim como “Bate a Poeira” fala sobre diversidade e racismo.

Participante do BBB 21

karol conka bbb21
Foto: gshow

Em 2021, uma grande surpresa. Karol Conká foi anunciada na lista de participantes do Big Brother Brasil 21, ao lado do também rapper Projota, entre outros nomes fortes no “Camarote”, time dos famosos da casa. Enfim, a cantora está disputando o prêmio de R$ 1,5 milhão de reais.

Maiores sucessos da Karol Conká

Por fim, selecionamos cinco músicas da rapper que são um verdadeiro sucesso. Em síntese, algumas delas marcaram o seu auge na carreira, enquanto outras são feats de grande sucesso. Confira agora:

A Preta é Braba

#NossaQueIsso

É o Poder

Lalá

As Patroas

Fontes: Pure People, g1, Geledes.

Imagens: Metrópoles, Jornal Terceira Via, gshow, Curitibacult, gshow.

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *