Britney Spears pede para falar em audiência judicial sobre tutela; saiba data e mais detalhes!


Chegou a hora dela! Britney Spears luta na Justiça para conseguir tirar seu pai, Jamie Spears, da tutela que controla suas finanças e decisões pessoais. Desde que a disputa começou, os fãs da estrela sonham com o dia em que ela se pronunciará diretamente sobre a batalha legal e qual é o real motivo para pedir a transferência da tutela para outra pessoa. Nesta terça-feira (27), de acordo com a revista Variety, a artista finalmente pediu para falar perante o tribunal sobre o caso.

A juíza do Tribunal Superior de Los Angeles, Brenda Penny, agendou uma audiência no dia 23 de junho para permitir que Spears fale sobre a “situação da tutela”. Na audiência que aconteceu hoje, o advogado Samuel Ingham, que representa Britney no processo, pediu ao tribunal que a data fosse definida “de forma acelerada”, mas não deu detalhes sobre o motivo da urgência ou o que sua cliente pretende dizer na ocasião. Ainda, uma outra audiência já foi marcada para o dia 14 de julho, com o intuito de discutir várias questões levantadas pelo profissional sobre pedidos e questões contábeis relacionadas à tutela.

A tutela de Britney Spears já dura 13 anos, desde a época em que a cantora enfrentou um momento delicado da sua vida. Porém, alguns anos depois, a princesinha do pop retomou as rédeas da sua vida, voltou a trabalhar regularmente e demonstrou — pelo menos publicamente — que era mais do que capaz de tomar suas próprias decisões. No ano passado, a pedido do advogado Sam Ingham, a Justiça norte-americana nomeou a instituição Bessemer Trust para atuar na tutela de Britney Spears junto com Jamie Spears. Porém, essa ordem ainda não entrou em vigor, uma vez que os advogados continuam discutindo impasses jurídicos.

Continua depois da Publicidade

Recentemente, a tutela voltou a ser assunto na mídia graças ao documentário “Framing Britney Spears”. Nele, toda a trajetória da artista é relembrada, incluindo o assédio da mídia desde a sua juventude, e a postura de Jamie Spears controlando a vida da filha. Nas redes sociais, a cantora se pronunciou sobre a produção: “Não assisti ao documentário, mas pelo que vi fiquei envergonhada com o enfoque que eles me colocaram. Eu chorei por duas semanas e bem…. Eu ainda choro às vezes”.

Muitos fãs que acompanham de perto a história e apoiam o movimento #FreeBritney, creem que a estrela deixa mensagens subliminares em alguns de seus posts na web para demonstrar sua tristeza com a interferência das pessoas em sua vida e o desejo por liberdade. Em outros momentos, eles afirmam que conseguem perceber que o texto não teria sido escrito pela artista por causa de alguns detalhes, como a ausência do uso de emojis. No posicionamento sobre o “Framing Britney Spears”, os admiradores da artista defendem a teoria de que não foi Spears quem escreveu a mensagem.

Entenda o caso da tutela de Britney

Em 2008, Britney Spears passou a viver sob tutela gerenciada por seu pai, Jamie Spears, e desde então a estrela não tem mais controle sobre sua própria trajetória. Em setembro do ano passado, um juiz nomeou a gestora Jodi Montgomery como tutora temporária da artista, depois que seu pai deixou o cargo, alegando “razões pessoais de saúde”.

(Foto: Ethan Miller/Getty Images)

Nos Estados Unidos, o status de tutela é decretado por um tribunal para pessoas incapazes de tomar decisões por si mesmas. No caso da cantora, ela passou por um período conturbado em 2007, devido ao descontrole do uso de substâncias ilegais e bebidas alcoólicas, tendo como resultado diversos problemas na justiça, principalmente em relação à guarda dos filhos.

Continua depois da Publicidade

Em maio deste ano, a tutela de Britney foi estendida até o final de agosto. Os documentos do tribunal, obtidos pela revista americana “Us Weekly”, afirmaram que a gestora Jodi Montgomery foi autorizada a seguir seu papel até 22 de agosto. Britney, por sua vez, “expressou que não quer trabalhar novamente, porque não quer continuar a se manter essencialmente sob a tutela”. 

Britney Spears já afirmou que não pretende trabalhar novamente. (Foto: Getty)

Assim, o movimento #FreeBritney tomou força nas redes sociais nos últimos tempos, graças à crescente preocupação dos fãs com o bem-estar da popstar. Em agosto, o pai de Britney Spears se manifestou pela primeira vez sobre a situação.

Continua depois da Publicidade

A equipe jurídica da cantora ainda citou e avaliou a pressão dos fãs no caso: “Longe de ser uma teoria de conspiração ou uma ‘piada’, como James disse à mídia, em grande parte, esse escrutínio é um resultado razoável e até mesmo previsível do uso agressivo de James do procedimento de segredo de justiça ao longo dos anos, para minimizar a quantidade de informações significativas disponíveis para o público”.

Os advogados de Britney também anexaram um artigo sobre o movimento “Free Britney”, afirmando que a diva está buscando alguma forma de retomar a autonomia da sua vida. [Britney] recebe bem e aprecia o apoio embasado dos muitos fãs dela”, concluíram.

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *