Modelo e influencer Lauren Adana Lorenzetti, grávida de nove meses, é presa em São Paulo; saiba detalhes


Lauren Adana Lorenzetti, modelo e influenciadora digital, foi presa na manhã de hoje (11), em São Paulo. Grávida de nove meses, a ex-miss Pato Branco, cidade no Paraná, foi condenada por forjar o próprio sequestro.

O crime, que aconteceu em 2010, teve como vítima a mãe da modelo, Vanessa Dallagnol Bassani, à qual Adana tentou extorquir.  A modelo pedia R$ 100 mil pelo suposto resgate. A simulação de sequestro aconteceu na cidade de Francisco Beltrão, e Lauren contou com a ajuda de dois amigos e do ex-namorado para executar o plano – Juliano Canteros, Marlene Terezinha Rege e Douglas Vais Lara, respectivamente.

Lauren Adana Lorenzetti, grávida de nove meses, foi presa na manhã de hoje (11). (Foto: Reprodução / Instagram)

O “sequestro”

Segundo informações divulgadas pela Record TV, o plano do grupo teria começado logo após Vanessa deixar o amigo da filha, Juliano, em casa. Lauren aproveitou que ficou sozinha e se escondeu na casa da amiga, Marlene, de onde ligou para a mãe, se passando por uma sequestradora e afirmando que teria capturado a filha da mulher. O ex-namorado da infuencer então exigiu a quantia do resgate.

O grupo desistiu do plano poucas horas depois, pois ficou com medo de ser descoberto. Lauren fingiu ter sido libertada pelos criminosos e ligou para a mãe de um orelhão, onde havia pedido para que Marlene amarrasse seus punhos com fita crepe.

Continua depois da Publicidade

A sentença

Ainda de acordo com reportagem da Record, a influencer já cumpria regime semi-aberto em razão da condenação, que aconteceu em 2013. No entanto, um novo mandado de prisão, expedido em 29 de abril de 2020 pelo Tribunal de Justiça do estado do Paraná, foi executado somente hoje. A pena foi fixada em 7 anos e 6 meses de reclusão, mais 52 dias-multa, cada um equivalendo a 1/30 do salário mínimo vigente na época do acontecido.

Lauren, que está grávida de nove meses, foi encaminhada da casa onde mora em Barueri, na região metropolitana de São Paulo, para a sede da Divisão de Captura da polícia. Os responsáveis pela apreensão foram os agentes do Departamento de Operações Policiais Estratégicas.

Com 31 anos, a ex-miss já era mãe de Davina e está grávida de Dávilae. A empresária utilizava as redes sociais para compartilhar conteúdos sobre sua família, sua rotina de exercícios e também sobre seu o estilo de vida. Lauren contava com mais de 130 mil seguidores somente em sua conta no Instagram – após a divulgação de sua prisão, a conta da influenciadora e de seu atual parceiro foram restringidas na plataforma, em que Lauren já perdeu mais de 30 mil fãs.

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *