Xuxa dá declaração sincerona sobre Pelé, e revela roubos que sofreu durante a carreira: “Era pra eu ser até três vezes mais rica”


Rainha da sinceridade! Xuxa Meneghel não foge de polêmicas e dessa vez não foi diferente. Em entrevista à Veja, publicada nesta quinta-feira (21), a apresentadora falou abertamente sobre os sucessivos abusos que sofreu na vida e em sua carreira. No bate-papo, Xuxa abordou desde a sua relação com Marlene Matos e Pelé até episódios de abusos sexuais. Além disso, ela assumiu que “não fica mais quietinha”, principalmente quando o assunto é o atual governo: “Se não me posicionar, estarei batendo palma para maluco. É vergonhoso o que estamos vivendo”.

A loira, que já assumiu não querer mais um empresário neste ano, se lembrou da época em que trabalhava com Marlene Mattos e afirmou que tinha sua liberdade restringida por ela: “Se eu falasse que não fui manipulada, estaria mentindo. Mas preciso deixar claro que eu permiti”. Xuxa ainda admitiu que era cômodo “ter alguém organizando tudo da minha vida profissional, pessoal e até afetiva”.

Continua depois da Publicidade

“Chegou a um ponto em que ela decidia como eu deveria falar, vestir e até namorar. ‘Entre ele e o trabalho, tem que escolher o segundo’, dizia. E eu obedecia. Nem eu sei como me sujeitei a tudo isso e por tanto tempo”, completou.

A apresentadora também revelou que antes de assumir o controle de sua carreira e negócios, levou muitos golpes. “Olha, eu poderia ser duas ou três vezes mais rica. Fui tudo o que as pessoas imaginam: enganada, usada, manipulada, roubada. Quando falo disso, vem logo a imagem da Marlene, mas não foi só ela. Insisto em dizer que confiei demais em todas as pessoas próximas a mim. Fui passada para trás por coreógrafo, maquiador, fotógrafo. Digo, sem vergonha, que fui inocente, boba, burra mesmo”, disse.

Xuxa Meneghel revelou que já sofreu muitos golpes em sua carreira. (Foto: Marcello Sá Barreto/Brazil News)

Abusos sexuais 

Sempre franca, Xuxa já se abriu anteriormente sobre os abusos sexuais sofridos dos 4 aos 13 anos. Agora, ela relata alguns traumas desses episódios: “Tenho mania de limpeza. Chego a tomar sete banhos por dia e associo isso aos abusos. O primeiro caso aconteceu em casa. Estava dormindo e, ao acordar, tinha algo na boca que pensei ser xixi, mas era esperma”.

“Houve outros episódios, como um parente que introduziu os dedos em minha vagina e um professor que se masturbou na minha frente. Na época, o medo e a culpa me impediam de reagir. Só consegui interromper essa série de abusos quando um amigo do meu pai tentou levantar minha blusa. Criei coragem, disse não e nunca mais me sujeitei a isso”, continuou ela.

Continua depois da Publicidade

Na conversa com a Veja, a rainha dos baixinhos também comentou de um assédio que sofreu na televisão, antes de se tornar famosa. “Fiz figuração, aos 17 anos, no programa Planeta dos Homens. Ouvi do diretor que, se não transasse com ele, não precisava voltar. Não voltei. Prestes a estrear o Xou da Xuxa, a Globo me indicou quatro diretores e ele estava na lista. Contei a proposta que ele tinha feito e essa pessoa acabou saindo da emissora”, declarou.

Relacionamentos amorosos

Ela ainda falou sobre seu relacionamento com Pelé, e acredita que tinha um componente abusivo no namoro. “Na época não via assim, mas óbvio que tinha. Se a minha filha tivesse uma relação como aquela, diria que o cara é louco”, apontou. Xuxa afirmou que “quem o conhece bem sabe que tem dupla personalidade”. “Dizia que as mulheres davam em cima do Pelé e que, por isso, precisava sair com elas. Mas foi minha primeira paixão, dos 17 aos 23 anos”, disse.

Já em relação à Ayrton Senna, ela acredita que o piloto foi a pessoa certa no momento errado: “Ele queria alguém que vivesse a vida dele, acompanhando-o nas corridas. Eu queria alguém sempre ao meu lado. Sua morte me mostrou a importância de viver cada vez mais o presente”.

Continua depois da Publicidade

Ainda que não tenha tido nada amoroso com Michael Jackson, Xuxa confirmou que o cantor queria que ela fosse a mãe dos filhos dele, e contou que a proposta aconteceu durante uma visita ao famoso rancho Neverland com seu empresário. “Fiquei surpresa de ver quanto ele sabia sobre mim: que não comia carne, que não gostava de sal nem de álcool. Na saída, seu agente entregou um contrato e disse: ‘O Michael gostaria que você levasse no ventre os filhos dele, quer juntar as Américas’. Nem respondi”, completou.

Atualmente, Xuxa está namorando Junno Andrade. (Foto: Thiago Duran / AgNews)

Experiência com substâncias ilícitas

Em relação à bebidas alcóolicas, Xuxa afirmou que tem intolerância a álcool. “Quando o Beco (Ayrton Senna) morreu, tomei um copo de vinho e fiquei bêbada”, lembrou. Já sobre maconha, ela assumiu que nunca quis provar: “Na doença da minha mãe, ela usou maconha medicinal para o Parkinson e minha filha perguntou se eu tinha curiosidade de provar. Disse que não. Aliás, sempre querem saber se a Sasha fuma maconha. Não fuma. Ela própria me contou que já provou, mas não é a dela. Inclusive, agora virou evangélica, religiosa ao extremo”.

Continua depois da Publicidade

Quanto a seu futuro profissional, a apresentadora, que deixou a Record em dezembro, se abriu sobre os próximos passos e um possível retorno à TV Globo: “No momento não há nada. Mas estou tocando vários projetos. Tenho conversas adiantadas com a Endemol e a Globoplay para a realização de um documentário”.

Artigos Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *